05-Julho-2018 | 10:03 | CPSI

Dia Mundial do Meio Ambiente

Quem está fazendo sua parte?

5 de junho de 1972. Essa data ficou marcada por ter sido implantado um dos dias comemorativos mais importantes no mundo todo: O Dia Mundial do Meio Ambiente. Talvez muitos não saibam que existe um dia para isso - até porque não deveríamos pensar no meio ambiente em apenas um dia, mas, sim, em todos. Essa data serve para que a sociedade se conscientize dos problemas ambientais que nos acometem todos os dias, seja o seu vizinho que não faz o descarte do lixo corretamente ou pelo desmatamento em grande parte das florestas.

Diversas podem ser as ações individuais ou coletivas em defesa do meio ambiente. Plantar uma árvore, promover campanhas de reciclagem, reutilizar objetos criando novos, reunir pessoas para repensar suas atitudes, separar o lixo do que pode ou não ser reciclado são algumas iniciativas a serem feitas.

Essa data foi implantada pela Assembleia Geral das Nações Unidas, durante a Conferência de Estocolmo, na Suécia. Esse dia marcou história, pois reuniu diversos países, que, juntos, começaram uma luta intensa em favor ao nosso meio ambiente.

Qualquer atitude favorável ao meio ambiente é bem-vinda. Se você não faz sua parte, faça! Todos nós seremos muito gratos por isso.

AAP-VR fez sua parte

O Centro de Prevenção à Saúde do Idoso Roque Garcia Duarte (CPSI), da Associação dos Aposentados e Pensionistas de Volta Redonda, realizou, no dia 6 de junho, uma comemoração a esse dia. Os grupos de Tai Chi Chuan e Yoga elaboraram atividades e palestra para falar um pouco sobre a relação desses serviços com o meio ambiente.

“O Tai Chi está embasado na filosofia taoista, que é uma filosofia ecológica, no sentido da natureza e na ecologia do ser, onde nós trabalhamos essa noção e essa ligação entre os elementos da natureza e o ser”, disse a professora Eva Julianna, do Tai Chi Chuan.

Já a professora de Yoga, Aurea Balbi, falou um pouco sobre a relação entre nossas energias e os elementos da natureza.

“A ligação é que todos nós temos os quatro elementos – fogo, terra, água e ar – no nosso organismo. Por meio da Yoga, das respirações e dos movimentos, nós vamos massageando os ossos, as glândulas e complexos nervosos para que possamos sentir essa desobstrução dos canais de energia, e assim, fazer com que nossa energia possa fluir de forma natural e equilibrada. ”

Os grupos mostraram como a energia do corpo e da natureza estão interligadas e como é importante estar em sintonia com elas.


Fonte: Jornal Sul Fluminense Notícias

Publicidade:

Assine nossa Newsletter

Obrigado por se cadastrar!

topo